E vamos de dia da mulher, de novo…

Não ia postar nada aqui hoje, mas quando foi que segui planos? Quem acompanha o blog a mais tempo tá cansado de saber que os crio somente para quebrá-los.

A questão é que fiquei pensando no dia da mulher, lendo homenagens mensagens. Fiquei com aquele gosto amargo na boca de cobrança, como eu, não vou escrever nenhum texto militante nessa data?

vê se pode…

Senti uma cobrança diferente daquela antiga de ser sempre perfeita delicada. A de se impor constantemente, parece que a tudo tenho que usar minha voz e opinar.

É “educar” sobre coisas básicas, como: PARE DE NOS RESUMIR A SER DELICADA. Já tenho um post onde escrevi furiosamente sobre isso, só porque é dia da mulher tenho que falar isso de novo?!

É uma repetição sem fim, a culpa não é sua, queremos igualdade, respeito, não o caralho de uma flor. Não deveria estar furiosa com isso novamente, mas estou!

Cansei. Cansei de ser escola, ter que explicar coisas básicas, cobrar o mínimo.

Não vou me obrigar a escrever, a ler, a comentar, sobre as merdas que vivemos só para ver se isso entra na cabeça de um cristã.

É isso, mas um dia da mulher fuleira de raiva e cansada de TODA essa merda.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s